logo IMeN

No consultório sempre me perguntam: Qual meu peso ideal?

Na verdade, o Índice de Massa corporal - IMC, famoso e presente nas revistas da moda, pode ser um fator de bagunça na hora de avaliar o peso ideal.
Ele avalia o peso sobre a altura ao quadrado, fornecendo um resultado teórico.

Valores para adultos:

IMC abaixo de 18.5 é magreza

Acima de 18.5 e abaixo de 25 é o ideal. Acima de 25 e abaixo de 30 é sobre peso

Acima de 30 e abaixo de 35 é obesidade grau I. Acima de 35 é obesidade grau II. Acima de 40 é obesidade extrema.

Mas, essa fórmula possui um grande defeito, não considera a massa magra (músculos). Por ela um halterofilista estaria gordo, nesse caso, grande parte do peso é devido aos músculos.
Desta forma, a melhor avaliação mescla o IMC, avaliação clínica de medidas, como circunferência do braço e do abdome e o teste de bioimpedância.
Então, o que fazer?
De forma pratica, sem rigor científico, despreze o valor do metro da sua altura.
Por exemplo: 1,80cm, considere 80 reduza 5% desse valor, teremos 76. Esse, de forma bem rudimentar, pode ser seu peso ideal.
Vamos acompanhar em um espaço de 60 dias ?
Faça uma restrição calórica, não ingerir mais de 1800 calorias por dia, reduza gorduras e carboidratos.
Você deverá fazer algum tipo de atividade física, de intensidade moderada, cinco vezes por semana, por 1 hora.

IMeN - Instituto de Metabolismo e Nutrição
Rua Abílio Soares, 233 cj 53 • São Paulo • SP • Fone: (11) 3287-1800 • 3253-2966 • administracao@nutricaoclinica.com.br